O Volume de Determinada Área do Cérebro Prevê Sua Habilidade nos Vídeo Games

by

É exatamente isso que você acabou de ler.

De acordo com uma pesquisa realizada por acadêmicos das Universidades do Illinois e de Cambridge nos EUA, revelou que o volume de uma determinada área do cérebro, Striatum, está relacionado com a facilidade com que você aprende a jogar jogos de Video Game, o seu desempenho e a habilidade de tranferir sua experiência adiquirida nos jogos para situações fora dos jogos.

Essa pesquisa foi motivada principalmente após a divulgação de resultados obtidos por outros pesquisadores, afirmando que mais de 20 horas de prática de video games não forneceu benefícios específicos para determinado grupo de jogadores que foram selecionados para realizar uma bateria de tarefas cognitivas pela primeira vez. Jogadores que já eram experientes nessas tarefas superaram os novatos.

Esses resultados contrastaram com o fato de, por exemplo, um jogo, conhecido como Space Fortress, um video game que foi especificamente desenvolvido para estudar os efeitos cognitivos de treinamentos realizados com o auxílio de Video Games, previu o sucesso dos cadetes da escola de vôo da Força Aérea Israelense nos controladores de vôo.

Esse tipo de constraste leva a crer que possam existir outros fatores responsáveis pela transferência das exeperiências obtidas nos jogos para atividades não treinadas.

A pesquisa foi realizada da seguinte forma:

Foram selecionadas 42 pessoas (entre 18 e 28 anos) das quais apenas 39 completaram o estudo, todos eles sem quaisquer doenças, ou sequelas de doenças, todos normais e perfeitos, dos pontos de vista fisiólogico e mental. Essas pessoas foram divididas, após testes escritos, em dois grupos: os de pessoas que jogavam jogos de video game frequentemente, e das pessoas que não jogavam com frequência ou  raramente.

Os dois grupos foram submetidos a horas iguais de treinamento no jogo Space Fortress, para na etapa posterior serem avaliados de acordo com o desempenho dos mesmos neste jogo.

Em seguida foram analisados resultados obtidos a partir de testes de ressonâncias magnéticas e medições de volumes de determinadas áreas do cérebro, posteriormente a etapa de treinamento e de avaliação. Os desempenhos dos jogadores foram relacionados a essas medidas.

Os resultados apontaram para uma área do cérebro, o Striatum. O volume desssa área, de um modo geral, está relacionado com o desempenho e aprendizagem das pessoas nos jogos, e na transferência dessas experiências à outras situações.

No entanto não afirma que pessoas nasçam pré-dispostas a serem jogadores de video games, indica apenas um maior desenvolvimento dessa área particular do cérebro, em pessoas que tem uma prática maior em jogos de video games. Essas mesmas pessoas possuem também uma facilidade maior de aplicar o que aprendem nos jogos em situações reais.

Abaixo se encontram os links do pdf do artigo para quem quiser ler e conferir essa pesquisa. E o do site onde ficamos sabendo dessa pesquisa.

Click aqui para fazer o download do Artigo.

Click aqui para ver a matéria no  G1.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: